You are here
Home > Dicas > Existe vida além do Strava?

Existe vida além do Strava?

Existe vida além do Strava?

Nos últimos dias andei falando bastante do Strava, das minhas metas no aplicativo e esse fato me fez pensar nos outros aplicativos que prometem os mesmos benefícios. Numa avaliação rápida, o que mais importa, para o conceito e o sucesso de uma rede social, é o tamanho da comunidade – quanto mais amigos você possui, mais você fica engajado dentro da ferramenta, mais a comunidade cresce e acontece o efeito viral nas redes sociais, tão esperado pelos desenvolvedores e investidores das plataformas. Alguns amigos meus não tem paciência pra usar nenhum tipo de aplicativo, pelo fato de ter que lembrar de ligar, esperar carregar o GPS no aplicativo (que dependendo da região pode levar um tempinho a mais do que o desejado), desligar ao concluir a pedalada. Nesses casos, talvez um relógio próprio pra ciclismo como XiaoMi Amazfit, Garmin, Polar ou o próprio Apple Watch resolva esse obstáculo e, devidamente sincronizado, você não terá necessidade de abrir o aplicativo em seu celular.

É importante verificar antes de comprar um desses smartwatchs se ele realmente faz a conexão com o aplicativo que você utiliza para registro de atividades físicas. Se tratando de smartbands, essa questão é ainda mais delicada e vou falar dela também, apesar de não ser o foco deste texto.

Inclusive, os fabricantes de relógio muitas vezes possuem aplicativos próprios. Hoje utilizo um celular XiaoMi Mi A2 Lite e uma Mi Band 2 para registrar minhas pedaladas.

RunKeeper

Talvez esse tenha sido o primeiro aplicativo que eu tenha conhecido. Focado em corrida, como pode se perceber pelo próprio nome, mas, que também engloba outras modalidades de esporte. Na época em que conheci o app não tinha a menor pretensão de realizar nenhum tipo de atividade física, por isso, meus registros quase sempre se resumiam em curtas caminhadas. Lembro que quando decidi por utilizar o Strava, por recomendação de um amigo que pedalava em BH, não tive dificuldade em migrar o histórico do Runkeeper. Bastou a leitura desse link aqui. Em número de downloads na PlayStore, o número de usuários que já baixaram o aplicativo chega próximo de 530 mil downloads, até o momento de escrita desse texto, enquanto o Strava está com aproximadamente 425 mil downloads. Acredito eu, pelo foco do aplicativo ser a corrida – uma atividade física mais popular do que a pedalada.

Faça o download dele para Android ou iOS.

Google Fit

O Google Fit, na minha opinião, ainda é um pouco estranho. Entendi que o funcionamento dele é mais eficiente com informações originadas em outros aplicativos, inclusive da MiBand 2 e seu aplicativo MiFit. Porém, seu uso é pouco intuitivo e o fato de não ter “cara” de rede social, acaba sendo deixado de lado. O único recurso que eu utilizo dele é o acompanhamento das metas diárias de minutos em movimento – hoje configuradas com 110 minutos por dia e pontos de cardio (meta configurada em 35 pontos). Os pontos de cardio são registrados quando o aplicativo percebe uma corrida ou até mesmo um batimento cardíaco mais elevado (com informações registradas, no meu caso, pelo MiFit + MiBand 2).

Faça o download dele para Android e iOS.

MiFit

O MiFit, quando comecei a escrever esse texto, eu ainda não tinha utilizado – mas, como é obrigatório para sincronia entre a pulseira e a Mi Band, sempre foi mantido instalado em meu celular. Após entrar no grupo de Telegram do Beco da Bike, fiquei sabendo de alguns recursos como monitoramento do sono e o registro de atividades diversas, incluindo bike e, melhor do que o Strava por um aspecto: acompanhamento do batimento cardíaco em tempo real. Por conta disso, não deixei de usar do Strava, mas, agora sempre que começo a pedalar eu ligo os dois: MiFit e Strava.

Faça o download dele para Android e iOS.

Existem diversos outros aplicativos, com certeza! Mas, esses são os que eu mais tenho usado e testado. Você acha que eu devo testar mais algum? Comenta aqui embaixo 😉

2 thoughts on “Existe vida além do Strava?

    1. Nunca testei, Richardson!

      Mas, vou avaliar os dois e atualizar o post 😉

      Obrigado pelo comentário!
      Um abraço e vamo pedalar!

Deixe uma resposta

Top